image/svg+xml image/svg+xml

Petisco para cachorro: opções naturais e o que evitar

O petisco para cachorro é um grande aliado de mães e pais de cachorro em várias atividades cotidianas. Ele pode ser uma recompensa que ajuda a ensinar um novo truque durante o adestramento, agradar o filhote ou distraí-lo. Mas é necessário ter cuidado com o snack escolhido: alguns petiscos para cães podem não fazer bem ao pet.

Assim como os humanos, cachorros são diferentes um do outro e têm necessidades individuais. Para entender melhor quais são as do seu peludo em relação à alimentação, o ideal é levá-lo a um veterinário nutrólogo. Esse profissional pode te orientar sobre quais alimentos, além da ração, podem trazer benefícios ao pet e se ele tem restrições a algum petisco para cachorro.

Mas alguns petiscos naturais para cães não apresentam riscos e, se usados sem exagero, ajudam na saúde do peludo. Se você não quer economizar nos agrados, confira essa lista de snacks naturais – e saudáveis! – para o pet:

Opções de petisco para cachorro naturais

As opções de petisco para cachorro disponíveis no mercado são, muitas vezes, industrializadas e não fazem bem à saúde do peludo. Em alguns casos, principalmente se usados em excesso, podem até mesmo prejudicar seu organismo. Para não deixar de agradar o pet, listamos as melhores opções naturais de petisco para cachorro. Olha só!

Frutas, legumes e sementes

Você sabia que há uma grande variedade de frutas, legumes e sementes que podem ser usadas como petisco para cachorro? Sim, é isso mesmo! Mas sempre tome cuidado para não exagerar na dose e consultar um veterinário para garantir que o pet não tem intolerância a nenhuma delas.

da-terra

Ótimas opções

  • Caqui
  • Batata doce (sempre cozida)
  • Maçã
  • Banana
  • Tomate
  • Couve-flor
  • Amendoim (sem sal ou açúcar)
  • Manga
  • Abóbora
  • Nozes
  • Melancia

Atenção: sempre retire cascas e todas as sementes, pois muitas são tóxicas e podem fazer com que o cachorro se engasgue. Lembre-se também de que nada pode ser dado em excesso: pequenas quantidades desses alimentos são suficientes para dar nutrientes ao seu peludo e deixá-lo feliz!

O não usar como petisco para cachorro

Por outro lado, assim como há opções naturais de petisco para cachorro, há também aquelas que devem ser evitadas. São frutas e outros produtos que não fazem bem ao pet. Veja quais são e mantenha o peludo longe delas.

Proibidos

  • Carambola
  • Cebola
  • Pimenta
  • Uva
  • Abacate
  • Chocolate
  • Macadâmia

Petisco para cachorro pronto

Outra opção é procurar por petisco para cachorro feito de produtos naturais vendidos em petshops. Hoje em dia existem diversas marcas que produzem “ossinhos” feitos apenas de partes animais desidratadas ou ossos mesmo, materiais que não prejudicam a saúde do peludo.

Esses ossinhos naturais são seguros e substituem os ossos brancos de couro bovino (que soltam pedaços e têm alvejantes químicos perigosos). Além de estarem se popularizando em petshops físicas, também são facilmente encontrados em lojas online, como a Petlove.

Receitas de petisco para cachorro caseiro

Se preferir, você mesmo pode fazer petiscos para o seu cachorro! Existem opções de snacks naturais para fazer em casa mesmo. Sites como o Cachorro Verde ensinam algumas receitas seguras para cães se deliciarem com os mais diversos tipos de petisco para cachorro. Várias dessas receitas você pode até mesmo provar – muitas parecem deliciosas! – e substituem os petiscos industrializados.

Lembre-se de que o petisco para cachorro deve ser dados com moderação e que é indispensável levar o peludo ao veterinário nutrólogo antes de alimentá-lo com algo diferente da ração. Se tudo for feito com cuidado, seu cão vai ficar muito mais feliz na hora do petisco – e você bem mais tranquilo!

Gostou das dicas? Então aproveite para ver também ótimas opções de brinquedos para cachorro!

Gostou? Compartilhe!

Vai viajar? Deixe seu cãozinho em um lar amoroso como o seu com a DogHero!

Saiba mais