image/svg+xml image/svg+xml

Cachorro pode comer banana?

cachorro-pode-comer-banana

Às vezes (ou todas as vezes), você está comendo banana e lá vem o seu cachorro com o rabinho abanando. A fruta mal foi descascada e seu cãozinho te olha com aquela carinha fofa, como quem implora por um pedacinho. É nessa hora que o coração aperta e a consciência questiona: cachorro pode comer banana?

Existem diversos alimentos humanos que cães podem comer e há outros que devem passar longe deles. Por isso, é importante sempre se perguntar antes de compartilhar a sua comida com seu pet. Informação é sempre o melhor caminho e, caso tenha alguma dúvida, consulte um veterinário.

Meu cachorro pode comer banana?

Sim, cachorro pode comer banana. As frutas podem ser oferecidas aos cães, mas é preciso ter atenção. Elas possuem fibras, antioxidantes e uma série de benefícios que colaboram com a dieta do animal, mas também são fonte de carboidrato que, ao ser metabolizado, se transforma em glicose (açúcar).

No caso da banana, ela é uma ótima fonte de potássio, fundamental para o bom funcionamento dos músculos. As fibras ajudam no trato gastrointestinal, especialmente se o seu cachorro estiver com algum transtorno nessa região. O magnésio ajuda na absorção das vitaminas, na produção de proteínas e promove o crescimento e fortalecimento ósseo.

Mas, embora a fruta faça um bem danado, é importante tomar cuidado com exageros por conta do alto teor de açúcar, o que pode causar obesidade canina. O cachorro pode comer banana, mas o alimento não deve fazer parte da alimentação regular do seu pet. O ideal é ofertá-la como um petisco ou um agrado após ele acertar um novo comando durante o adestramento de cães, por exemplo. Portanto, use com com moderação!

Quais são os riscos do cachorro comer banana?

Atenção: antes de oferecer qualquer fruta ao cachorro, é imprescindível checar se ele sofre de alguma doença. Os mesmos benefícios que a banana, por exemplo, oferece à saúde, podem prejudicar um animal com o organismo afetado por algum problema. É o caso de cães que sofrem de insuficiência renal, tumor, diabetes, problemas no coração, entre outras doenças.

Por isso é importante ter sempre o acompanhamento de um veterinário. O profissional pode analisar o quadro de saúde completo do animal e, a partir daí, indicar quais frutas são recomendadas ou não para a dieta do cachorro, com base no seu consumo calórico diário.

Cachorros gostam de banana?

Em geral, os cães adoram bananas. Há quem diga que essa fruta amarela é tão saborosa para eles quanto para os humanos. A comparação pode até parecer absurda à primeira vista. No entanto, é preciso levar em consideração que a banana é um dos doces mais acessíveis para os peludos. Além disso, os três tipos de açúcares da banana (glicose, sacarose e frutose) exalam um cheiro incrível ao faro aguçado dos cães.

Não é à toa que ela é recomendada para ser um agrado especial. Isso estimula o bom comportamento e o treinamento de comandos. Ao mesmo tempo, também é benéfico à saúde do animal. E lembre-se: cachorros podem comer banana, desde que elas sejam naturais e frescas. Produtos processados, industrializados ou com adição de outros ingredientes não oferecem tais benefícios e não devem ser dados aos pets.

Meu cachorro não gosta de banana, o que fazer?

Enquanto a maioria dos cachorros ama o fato de poderem comer banana, outros não estão nem aí. Alguns animais podem reagir de forma diferente com relação aos outros. Ou seja, nem tudo o que é bom para um, agrada o outro também.

Em casos raros, a banana pode ser indigesta. Por isso, é importantíssimo sempre observar a reação do seu cachorro quando come e depois. Vômitos, alteração nas fezes, dores, entre outros sintomas deixam claro que algo está errado.

Outra razão para o desinteresse nessa fruta pode ser simplesmente desconhecê-lo. Ou então pelo medo. É possível que alguns cães confundam a fruta com alguma ameaça. Nesses casos, vale a pena estimular o seu cachorro a conhecer e experimentar. E se mesmo assim ele não gostar, é melhor respeitá-lo.

Por que incluir frutas na alimentação do cachorro?

As frutas são bem-vindas na alimentação do seu pet e ele vai adorar! Frescas e saudáveis, elas podem complementar a dieta do cachorro, trazendo um sabor especial ao dia a dia. Mas lembre-se de usar em ocasiões pontuais e não exagerar.

Além de saborosas, é importante dizer que frutas são riquíssimas em nutrientes e antioxidantes, que fazem bem aos cães. Isso eleva a qualidade da nutrição canina de forma natural. Por consequência, aumenta a imunidade e protege o seu amigo de quatro patas contra várias doenças.

Entretanto, é importante tomar cuidado com a quantidade e qual alimento é ofertado, pois, infelizmente, nem todas as frutas fazem bem à saúde do animal. O seu veterinário pode dizer se seu cachorro pode comer banana e ajudar a introduzir esses alimentos e administrá-los de acordo com o tamanho, raça e estilo de vida do seu pet.

Outras frutas que o cachorro pode comer

Cachorro pode comer banana e outras frutas como morango, abacaxi, pera, pêssego, laranja, manga e maçã. Mas, sempre tenha o cuidado de tirar a casca, as sementes e o caule e cortá-las em pequenos pedacinhos antes de ofertar ao cão. Dessa forma, esses frutos se tornam petiscos saudáveis e deliciosos. E lembre-se: com moderação! Nada em excesso faz bem.

Frutas que o cachorro não pode comer

É preciso deixar bem claro que o fato de o cachorro poder comer banana não significa que ele possa comer qualquer fruta. Uma série de alimentos humanos é indigesta e até tóxica. Por isso, o ideal é procurar um veterinário para garantir que ele pode comer as frutas que você deseja dar e quais são as mais indicadas.

É melhor evitar algumas como abacate, cereja, uva e tomate (além de sempre lembrar de tirar as sementes). O consumo dessas frutas pode causar danos ao organismo do cachorro e não deve ser feito ser o acompanhamento de um profissional. Logo, escolha criteriosamente todos os alimentos que vai oferecer ao seu cachorro.

Gostou? Então confira quais são as plantas tóxicas para cães.

Gostou? Compartilhe!