image/svg+xml image/svg+xml

Como limpar focinho de cachorro

Como limpar focinho de cachorro

Limpar o focinho de cachorro é muito importante, mas nem todo mundo sabe disso. A higiene é ainda mais fundamental em algumas raças, como as de focinho achatado (entre elas os pugsbuldogues franceses e ingleses), também chamadas de braquicefálicas.

E por que essas raças? Porque o “encurtamento” da face do pet pode resultar em uma série de problemas de saúde. O acúmulo de sujeira nas dobras do rosto, por exemplo, é uma das principais causas da dermatite canina. E, se a pele fica fragilizada por alguma inflamação como essa, também fica vulnerável à entrada de agentes causadores de outras doenças. Melhor não, né? Entenda a importância e aprenda como limpar focinho de cachorro para garantir a saúde do seu peludo.

Por que limpar o focinho de cachorro?

Todo cachorro que tem dobras de pele no focinho acumula sujeira e umidade no espaço entre elas. Por isso, é bastante comum encontrar restos por ali, mesmo que o seu animal seja muito bem cuidado. Como a região é exposta, praticamente qualquer coisa pode ir se aglomerando: farelos de comida, pele morta, pelos soltos, pó, terra, sebo, umidade (lágrimas, água, saliva)… Tudo isso cria o ambiente perfeito para a proliferação de micro-organismos, como as bactérias.

Quanto mais profunda for a dobra, maior será o acúmulo de sujeiras e mais importante será a atenção com a limpeza. Em casos mais severos (e menos comuns), a sobra de pele no rosto pode ser excessiva, causando vincos bastante profundos, que acumulam quantidades enormes de sujeiras. Como forma de prevenir infecções e inflamações de pele, uma das alternativas para situações extremas é fazer uma cirurgia de correção no local.

Se o focinho de cachorro não for higienizado corretamente com frequência, a combinação de sujeira com fricção e umidade vai levar a um quadro inflamatório conhecido como intertrigo (ou dermatite da dobra de pele). Na fase inicial do problema, a pele começa a ficar com uma coloração mais avermelhada e um pouco mais inchada. Como também existem bactérias no local, que estão se alimentando da sujeira para se proliferar, a pele pode acabar bastante infeccionada (daí o mau cheiro).

Dicas de como limpar o focinho de cachorro

Em geral, a higienização do focinho de cachorro pode ser feita em casa mesmo, de um jeito bem fácil. É importante que toda mãe e pai de cães braquicefálicos aprenda a limpar a região de forma adequada, para evitar lesões e também para não machucar a pele – ou até mesmo favorecer a proliferação bacteriana.

O mais indicado é lavar o rosto inteiro do cão com água e xampu para bebê, que não arde nos olhos, dando atenção especial às dobras. Faça essa limpeza usando as mãos, gaze ou algodão. É importante que você retire toda a sujeira, mas cuidado para não esfregar muito e com força – o que pode deixar a pele irritada.

Produtos para limpar o focinho de cachorro?

Alguns tutores, no entanto, preferem limpar apenas as dobras do focinho de cachorro. Isso pode ser feito com o uso de lenços umedecidos ou de gazes embebidas em xampu de bebê. Você pode optar ainda por soluções neutras usadas para a limpeza dos ouvidos.

O passo principal, que deve ser feito com o máximo de cuidado, é a secagem dos vincos. Ela deve ser feita com o uso de algodão ou outro tecido macio, sem esfregar. Esse é o momento que exige mais paciência e o mais demorado do processo todo. Mas é fundamental que toda a área de dentro das dobrinhas esteja bem seca.

Se você descuidar dessa etapa, mesmo que tenha tomado todo o cuidado possível durante a limpeza, não vai adiantar muito. A umidade tem um papel significativo nas causas da inflamação. Se ela estiver por ali, as chances do peludo ter intertrigo continuam altas.

A frequência com que a limpeza do focinho de cachorro deve ser feita depende muito da quantidade de sujeira que seu animal acumula. Na média, a indicação é de que ela seja repetida uma vez por semana. Mas, quanto mais profundo for o vinco, maior a aglomeração e, por consequência, mais vezes por semana o local deve ser limpo.

Todas as raças precisam limpar o focinho de cachorro?

Em linhas gerais, a higiene do focinho de cachorro é necessária para as raças braquicefálicas. Mas cães sem raça definida e que tenham algum tipo de dobra de pele na face também precisam da limpeza.

Esse tipo de vinco, no entanto, não é uma exclusividade da região do focinho. Além das dobras faciais, existem ainda as labiais, corpóreas, vulvar e da cauda. Raças como cocker spaniel e shar-pei podem ter excesso de pele no lábio inferior, que tendem a formar dobras – e a acumular sujeira e umidade.

O shar-pei tem ainda, em graus variados, dobras pelo corpo, devido ao excesso de pele. Já o buldogue inglês pode desenvolver o mesmo tipo de inflamação, se as dobras da sua cauda em formato de saca-rolhas não forem higienizadas.

Gostou? Compartilhe!