image/svg+xml image/svg+xml

Como dar remédio para cachorro: 7 dicas de veterinária

Como dar remédio para cachorro

Quando o pet fica doente e o tratamento envolve medicação, bate aquele pânico: como dar comprimido para cachorro? É melhor abrir a boca do cachorro ou pode dar comprimido amassado na ração? O que fazer para ele não cuspir? E se vomitar ou não engolir? De fato, na maioria dos casos, dar remédio para cachorro não é uma tarefa fácil. E quando o cachorro é bravo, hiperativo ou filhote, parece até impossível! Mas, calma, não é um bicho de sete cabeças. Nós temos 7 dicas incríveis para ajudar você a cumprir essa missão do jeito mais tranquilo possível.

E se você quiser só saber como dar remédio líquido para cachorro, vá direto para a dica 7!

Dicas de como dar comprimido para cachorro

Realmente, não tem jeito: a responsabilidade de aprender como dar comprimido para cachorro faz parte. E, nessa situação, enganar o seu animal de estimação é praticamente inevitável; portanto, não se culpe. O mais importante é garantir a saúde dele. Olha o que você pode fazer:

1. Ofereça o comprimido

A primeira tentativa de dar o comprimido para cachorro é oferecer a ele. Coloque a cápsula em sua mão e deixe ele cheirar. Alguns podem achar que é um petisco e comer sem perceber. Entretanto, é preciso dizer que, infelizmente, a maioria vai recusar. Se funcionar, em uma segunda ou terceira vez, você provavelmente precisará recorrer a outro método. O cheiro vai remeter àquela experiência não tão apetitosa e ele se mostrará desinteressado.

2. Faça o remédio parecer um petisco

Essa é uma das maneiras mais comuns de tentar dar remédio para cachorro. Se o medicamento for um comprimido, experimente jogá-lo para o peludo como se fosse um petisco ou deixá-lo cheirar a cápsula na sua mão. Muitos cães apressadinhos podem cair nessa! A vantagem é que eles nem percebem que acabaram de tomar um remédio, e você pode dar um petisco de verdade como recompensa. Mas a técnica dificilmente vai funcionar nos casos em que você terá que dar comprimido para cachorro por um período longo. Nessas situações, há outras alternativas que podem ajudar.

3. Use a hora da comida para dar remédio para cachorro

Outra técnica comum é dar comprimido para cachorro junto da comida. Aproveitar a hora da refeição é um método clássico para fazê-lo engolir o conteúdo sem perceber, uma vez que costuma funcionar bem. Veja algumas formas de misturar o medicamento na comida:

  • Misture na ração: para alguns, dar comprimido para cachorro basta misturar a pílula na ração. Mas não deixe o remédio à vista
  • Coloque sem o cão perceber: enquanto o peludo estiver afoito comendo, coloque o medicamento no pote. É preciso ser rápido para que ele não perceba e nem tenha tempo de notar que há algo diferente. Quando reparar, já foi! Já está em seu estômago
  • Patê: esconda o comprimido para cachorro em uma comida mais pastosa ou úmida. Existem diversas opções de patê pronto no mercado. Se preferir, você também pode fazer em casa, umedecendo um pouco a ração. Os grãos logo se transformarão em um “bolo”. Dessa forma, esconda a medicação no meio disso e sirva

4. Corte ou amasse o comprimido para cachorro

Muita gente se pergunta se pode dar comprimido amassado para cachorro, e a resposta é que, no geral, sim! Para ter certeza se é o caso do comprimido do tratamento do seu cão, confira na bula e pergunte ao veterinário. Se não houver problema, pode dar comprimido amassado para cachorro sim. Cortar ou amassar o remédio facilita a sua vida e a do cachorro.

Isso porque a fragmentação do medicamento ajuda a esconder, mascarar e misturar na comida. É também é benéfica também para que o cão não perceba uma textura diferente ao mastigar. Além disso, dificulta que ele separe o conteúdo da comida ao comer ou deixe de ingerir.

5. Camufle o medicamento na comida favorita

Como dar comprimido para cachorro?

Adicione a pílula e ofereça ao seu pet. Uma boa dica aqui é tentar excitar e instigar o desejo do cachorro por aquela comida deliciosa. Esse método é ótimo para aqueles que comem rapidamente, sem pensar. Se pararem para cheirar ou comer aos pouquinhos, o fracasso será iminente.

Se mascarar o remédio na ração não teve sucesso, é hora de apelar para a comida favorita do peludo. Pode ser uma carne, um legume ou uma fruta, por exemplo. Mas é claro, desde que seja um petisco saudável. A banana é uma ótima pedida, pois a maioria dos cães adora e é fácil de colocar algo dentro. Quem diria que dar remédio para cachorro seria tão gostoso?

6. Finja que é uma comida que caiu

Outra solução para dar o comprimido para cachorro é fingir que você deixou uma comida cair:

  1. Prepare algo com um cheiro incrivelmente delicioso para atrair o cachorro
  2. Separe alimentos saudáveis, como uma cenoura ralada, e deixe na mesa
  3. Quando estiver comendo, finja que você deixou a comida cair. Nesse momento, quem vai para o chão de verdade é aquela cenoura ralada. Apenas um fragmento por vez é o suficiente. Repita isso algumas vezes para que seu cão fique de prontidão à espera de mais
  4. Aí você deixa o remédio cair. Os cachorros mais acelerados comerão rapidamente sem cheirar ou ter certeza do que é. Para ajudar, você também pode fingir que quer o remédio quando ele cair, abaixando-se e tentando pegar. Isso irá reforçar ao peludo que ele deve ser rápido para comer e não ficar sem
  5. Em seguida e rapidamente jogue a cenoura novamente. Isso vai diminuir o risco de o cachorro cuspir o comprimido ou pensar que não é tão gostoso assim

Posso usar salsicha, pão, manteiga ou outros petiscos humanos para dar remédio para o cachorro?

O ideal é não usar alimentos humanos altamente processados para dar remédio para cachorro. Esses petiscos podem ser saborosos, mas contêm muita gordura, sal, conservantes e condimentos que não são recomendados para animais. Se o cão for agressivo, não tiver intolerância a esses alimentos e não permitir outra alternativa, você pode usá-los em pequena quantidade e com muita cautela. Fique atento a vômitos e mal-estares após a ingestão do remédio e do petisco.

7. Quando o remédio é líquido

Não tem jeito: quando o medicamento é líquido, a tarefa pode ser um pouquinho mais complicada. A maneira mais fácil é usar uma seringa e inseri-la o máximo possível pela lateral da boca do cachorro, entre os dentes e a gengiva. Preste atenção para não machucar nem fazer o cachorro engasgar, além de não deixar que cuspa o remédio. Uma forma de evitar isso é fechar a boca do cão e soprar no focinho, pois faz com que ele queira lamber o nariz. Dessa forma, ele faz o movimento de engolir a saliva, o que ajuda a fazê-lo engolir a medicação.

E se nada disso der certo?

Se driblar a atenção do cachorro para que ele não perceba a medicação não funcionar na hora de dar remédio, fazer o pet engolir o comprimido é a única opção que resta. Para isso, é preciso ter certeza de que o cão não é agressivo, pois você terá que colocar a mão na boca dele e inserir o comprimido. Logo depois de colocar a medicação no fundo da boca, feche-a e faça uma massagem no pescoço para estimular a deglutição.

Dar remédio para cachorro dessa forma pode incomodá-lo, e é possível até que ele apresente uma tosse. Mas fique tranquilo: isso costuma passar rápido e ele em seguida volta ao normal. Tenha cuidado ao segurar o peludo para não assustá-lo e sempre seja carinhoso antes e depois da medicação, para que ele não entenda o processo como punição. Lembre-se de que com paciência e carinho tudo fica mais fácil!

Mais orientações da veterinária sobre como dar remédio para cachorro

  • Alguns comprimidos e cápsulas começam a dissolver rápido em contato com a saliva ou alimento úmido. Nesses casos você deve agir rápido caso o cachorro perceba a medicação e cuspa ela. O ideal é que tenha sempre um comprimido reserva, pois, caso o remédio se dissolva antes de ser engolido, ele deve ser jogado fora, porque a dose adequada àquele cãozinho pode ter sido perdida e o efeito da medicação pode ser prejudicado
  • Se você já sabe que o seu cachorro é um bom detector de comprimidos e sempre os cospe, é melhor partir direto para a alternativa mais invasiva. Assim você tem a garantia de que ele vai tomar a medicação, sem correr o risco de perdê-la
  • Alguns cães regurgitam a medicação minutos depois da ingestão. Fique atento! Nesses casos, o veterinário deve ser consultado para saber como agir

Gostou do artigo? Como dar comprimido para cachorro não é um bicho de sete cabeças afinal!

Se você quiser saber mais sobre doenças e tratamentos para cachorro, dê uma olhada em nossa página de saúde canina! Temos também outras dicas para ajudar pais e mães de cachorro, como para facilitar também a hora do banho.

Fonte: veterinária DogHero Ingrid Stein.

Gostou? Compartilhe!

Vai viajar? Deixe seu cãozinho em um lar amoroso como o seu com a DogHero!

Saiba mais