Cãozinho ligado no 220 V, o Pinscher é o companheiro ideal para famílias que adoram brincar e receber amor na mesma medida.

PERSONALIDADE

  • O Pinscher é um cãozinho cheio de energia e curioso — fica ligado em todos os movimentos da casa. São ótimos para famílias que moram em apartamento e têm pique para brincadeiras;
  • Muito apegados e leais aos donos, têm um forte instinto de proteção da família: costumam latir para estranhos que se aproximam dos seus bruscamente. Mas como esses pequenos não tem noção do próprio tamanho, é importante educá-los desde pequenos para evitar que a postura fique exagerada e se torne um problema;
  • Quando a pilha acaba, adoram ficar horas de chamego com a família.

HISTÓRIA

  • Origem: Alemanha;
  • Primeiros registros: há registros de pinschers serem usados como caçadores de ratos em celeiros no interior da Alemanha, há mais de 200 anos. Foi só quando foram trazidos para a América é que passaram a ser mais cães de companhia do que caçadores.

PONTOS DE ATENÇÃO

  • Ossos e articulações;
  • Olhos.

PESO

EXERCÍCIOS

NÍVEL ALTO

 

 

  • Passeios e brincadeiras diárias respeitando o tamanho deles.

TAMANHO DO PELO

  • CURTO

NECESSIDADE DE CUIDADO

  • BAIXA
  • Escovação ocasional;
  • Banhos quando necessário.

Fonte: American Kennel Club (tradução livre) e livro The Dog Directory, do autor PS Davies.