Saiba mais sobre o Chow chow, cachorro da língua azulada que é uma boa pedida para quem mora em apartamento 

 

– Funcionam bem em apartamentos: os Chow chows se adaptam bem a rotinas sem muita atividade física e não costumam ficar com aquele cheirinho típico de cachorro;

– Sua personalidade lembra a de um gato: adoram sua família, mas costumam ficar reservados quando próximos a estranhos, sejam humanos ou cachorros. Por isso, podem tornar-se agressivos e não aceitar a liderança do dono se não forem adestrados desde filhotes. O que não será difícil, porque são cães inteligentes;

– Após o processo de socialização, demonstram o lado mais tenro de sua personalidade. São leais, comportados e afetuosos.

 

– Origem: China

– Primeiros registros: há registro de figuras parecidas com esses cães em decorações da Dinastia chinesa Han, do século 206 a.C. No final do século 19, os Chow chows foram levados à Inglaterra, onde tornaram-se populares e espalharam-se pelos continentes.

 

Fonte: American Kennel Club (tradução livre) e livro The Dog Directory, do autor PS Davies.